Literatura e internet II

Foto: Washington Ribeiro (wrbk.com.br)

Ao ver a biblioteca, no iPad (tablet), e a possibilidade de ter um livro com milhares de livros, fiquei entre o deslumbramento de poder ler tudo ali e a exigência de colocar o número do cartão de crédito na configuração do aparelho e pensei: basta um clique e a dimensão cultural se dilui na dívida do mundo do consumo. E qual seria o prazer maior: ler ou adquirir o produto?

Literatura e Internet I

A relação entre literatura e internet é muito vasta; não dá para falar de tudo, então escolhi três tópicos, um para cada coluna em três meses. Nesta primeira, falo rapidamente  do acesso ao livro no meio virtual.

Village is Village

Ao observar o funcionamento de um vilarejo campesino numa outra região do mundo, o que não nos pertence culturalmente é ganho, e as ações humanas são muito mais parecidas em qualquer lugar do mundo, porque por mais que pareça óbvio o homem é o homem, independente do lugar.

A conta humana contra o amor

A conta humana contra o amor

Uma carta sobre política para o povo bra…

Uma carta sobre política para o povo brasileiro

A segunda imposição linguística

A segunda imposição linguística

A memória curta da sociedade brasileira

A memória curta da sociedade brasileira

Diego Costa: Felipão e o espírito autori…

Diego Costa: Felipão e o espírito autoritário da linguagem!

Se vivo, Paulo Leminski seria um poeta d…

Se vivo, Paulo Leminski seria um poeta da internet marginal

“Escravos, Escravos!!!” O Grito dos Idio…

“Escravos, Escravos!!!” O Grito dos Idiotas!